segunda-feira, 19 de junho de 2017

O barbeiro

Estamos chegando no final do mes 6.
Significa portanto que estamos em breve na segunda metade do ano. Nao sei se vcs tem essa impressao, mas quando comeca agosto o ano acaba. O segundo semestre em casa é sempre bastante corrido.
O que é bom, de certa forma.

Espero que tudo o que não aconteceu nesse primeiro semestre se resolva no segundo semestre.
deus do ceu... nesse feriado fomos para a praia e eu estava pensando sozinha...
Sera que no fim do ano, quando estivermos na praia, ja teremos avancado em relacao a nossa mudanca para os estados unidos?
Esta tudo absolutamente igual a fevereiro.
Não avancamos em nada.
nada mudou.

Houve algum progresso em relacao ao amadurecimento? Sim, claro, sempre há. mas nada efetivo ou concreto. E isso gera inevitavelmente uma certa decepcao, um gosto amargo na boca. O tempo passou, Thais, e o que vc fez? Nadaaaaaa.

O tempo, sempre o tempo. Quando queremos que ele passe, ele fica estagnado. E dai, la na frente, ele fica fazendo aquele tictac irritante dizendo que nao ha mais tempo. O tempo cura tudo, resolve tudo, mas tambem estraga tudo. Sera que um dia terei a maturidade para lidar com ele?? Minha avo me disse que a maturidade vai me ensinar que tudo tem o seu tempo, e lutar contra o tempo é....perda de tempo.
Ai ai

Na praia conversei com uma menina linda. Ela é linda, de uma familia mais linda ainda. Daqueles presentes que D'us nos da, sabe?
São fisicamente lindas. Aquelas loiras clarissimas do parana, sabe? Mas quando abrem a boca- e o coracao, vc ve a beleza delas. Foi otimo poder ter tido aquela conversa com ela.

A mãe dela é pastora de uma igreja evangelica no ABC. E a mãe sempre reza para as pessoas que precisam, esta sempre ali para ajudar. E essa filha sempre acompanha a mae. E comentei com ela como eu estava cansada e esgotada, como eu havia parado de ajudar as pessoas como antes fazia. Que de tanto doar, eu tinha me esgotado e sentia que aquilo estava me fazendo muito mal. Eu estava sofrendo a dor dos outros. Como ela e a mãe faziam?
Como elas conseguiam ajudar os outros, e entrar em casa sem o problema deles???

Então ela me contou que elas ja tiveram esse problema tambem. Mas elas sao apenas instrumentos de D'us. Ele quem resolve os problemas. Ele quem acalma, quem ajuda. Elas sao apenas instrumentos, objetos, apenas levam a palavra Dele. Que o problema é do outro, a dor é do outro. Ela se compadece, mas não divide a dor.

Dai contei de uma amiga que havia brigado com D'us. Como ajudar alguem que brigou com D'us?? E ela me contou essa historia.... espero que gostem.

Havia um barbeiro na cidade que não acreditava em D'us.
E um cliente, extremamente fiel e grato a D'us.

E todas as quintas feiras, o cliente sentava para fazer a barba, cabelo e bigode com o barbeiro. E conversavam. E o barbeiro sempre desafiava o cliente.
Se tem D'us, porque existem pessoas ricas e pobres?
Porque D'us deixa criancas morrerem?
Porque D'us deixa que pessoas inocentes morram?
porque há guerras?
o cliente então respondia que D'us era amor. Que tudo o que vinha Dele era bom, que Ele era pai e amava cada um de nós, desejando sempre o bem, torcendo e nos abencoando.
Aquilo não fazia sentido para o barbeiro, que sempre concluia que não havia D'us. Houvesse D'us, seria apenas amor. Se havia dor, sofrimento e mortes, portanto não havia D'us.

E aquela discussao se estendia semana apos semana, ate que numa quinta feira, o cliente chegou na barbearia trazendo consigo um mendigo maltrapilho. Cabelo imenso, sujo, barba por fazer.
e declarou para o amigo:

não há barbeiro.

Houvesse algum barbeiro, esse homem não estaria assim.
....



Boa semanaaaaaaaa



2 comentários:

  1. Li seu blog de uma só vez... estou na busca da maternidade há alguns anos... me emocionei e me vi em muitas das suas postagens... espero que meu bebê também chegue!!! adorei a forma como você escreve... e como forma de minimizar esse longo tempo de espera, que mais se parece uma eternidade comecei a escrever, não com caráter informativo, mas principalmente para colocar para fora meus pensamentos e sentimentos... estou me sentindo um pouco melhor... não desanime, pois o bem mais precioso você já possui... o resto logo vem!!! caso queira dar um espiadinha na minha história, segue o link:
    https://caminhoparamaternidadeblog.blogspot.com.br/

    ResponderExcluir
  2. Oi thais, tem uma frase que diz '' Gentileza com a dor do outro, ela tem caminhos que vc não trilhou, ausências que vc não abraçou... '' A paciência e a gentileza com a dor do próximo é um começo. Espero ter ajudado. Bj

    ResponderExcluir