sexta-feira, 30 de janeiro de 2015

Dispensada!

Meninas,
hoje a professora da Be me comunicou que a partir de segunda eu estarei dispensada.
Ja se passaram tres dias, e Beatriz nao me solicitou em nenhum momento. nao chorou, nao quis meu colo, nao fez manha. Pelo contrario: quer ver o jabuti, os passarinhos, o triciclo, a areia, a sala de aula, os brinquedos o aquario de peixinhos.
No primeiro dia, deixamos o carro no estacionamento e demos o dedo. Ela foi caminhando ate a escola. Chegou na porta, o seguranca sorriu e ela ficou ali, estatelada, paradinha, jogando charme para ele. Pegamos no colo e levamos ate a sala de aula.
No segundo dia, como chegamos mais tarde, entramos por outra porta e o seguranca nao estava la. Ela foi andando, entrou na escola, e logo viu a professora. Ainda estava segurando meu dedo quando agarrou o dedo da professora e soltou o meu.
Hoje, entrou andando na escola e foi direto para a sala de aula.
Ja reconhece a professora, os coleguinhas, os brinquedos, animais e o espaco.
Nao deu trabalho para trocar a fralda;
O unico trabalho que deu foi que ela come 3x mais frutas que as outras criancas. (po, as professoras servem tres cubinhos..... a be come um pote cheio!! rsrsrsrsrsrs)
Nesses dias em que fiquei na escola -corujando ela e batendo papo com outras maes- a vi brincando, correndo, sorrindo. Ela esta bem. esta feliz.
Chega cansada em casa, e dorme.
Esta com um sono tranquilo a noite.
Na segunda, iremos para a escola, mas deixarei ela na sala de aula e vou embora.
Serao 4 horas livres.
Talvez no inicio sejam 4 horas vazias. Sem minha bebe. Mas terei de volta aquele meu tempinho para mim. Para dormir, para me arrumar, fazer banho de creme, arrumar a casa, passar fio dental com calma, fazer uma escova, blogar. Que seja para fazer nada, que seja para falar dela.
Olho em volta e nossa, tenho um ano de coisas "depois eu faco isso".
Mesmo com a baba, sempre fiquei com a Be enquanto ela estava acordada, entao tenho muitaaaa coisa para tras.
Tem caixas da reforma que preciso guardar; Tenho que arquivar as contas de 2013 e 2014; Quero revelar as fotos da Be; Escolher as fotos do aniversario; Preciso limpar meu louceiro; Pregar quadros na parede; Fazer um quadro de fotos da Be; Preciso regularizar meu passaporte e tirar o da Be; Preciso arrumar o armario dela, etiquetar os uniformes, fazer as barras das calcas do uniforme, uma capa para a almofada dela.
E tambem ja tenho planos: quero voltar a ter minhas aulas de costura! Sinto falta de costurar! Quero costurar muito!!!
Embora eu esteja feliz pela rapida adaptacao, é obvio que me sinto um pouco rejeitada. Mas sei que a independencia dela é muito importante. Uma pessoa que sabe ficar sozinha sera feliz sozinha, e na realidade, nos precisamos ser felizes sem o outro. A felicidade esta em nos mesmas.
Tem ate uma conhecida que defendeu uma tese que dizia da "importancia da solidao na construcao da autoestima". Achei curioso, porque sempre considerei a solidao como um castigo, uma coisa ruim, negativa. Mas na verdade nao é.
A primeira crise de separacao que a Be tevefoi quando ela descobriu que eramos separadas, mamae e bebe. E nao cabe a mim engana-la e dizer que nao somos.
Somos dois individuos.
Cabe a mim ensina-la que estarei sempre ali, sempre ao lado, por perto, acessivel.
Mas ela é um individuo.
Eu sou outro.
O pai outro.
E se ela entender isso, e conseguir ser feliz... entao cumpri meu papel.

quinta-feira, 29 de janeiro de 2015

Estudante

Meninas,
essa semana esta sendo A semana da minha vida!
Na segunda, tive o compromisso mais importante de todos os tempos! Reuniao de pais!
Fomos, conhecemos a sala de aula, as professoras, os outros pais. Fomos informados do que nos espera e apresentados a nossa nova rotina.
Me senti a Hilary Clinton.
Mas nada se compara as emocoes de hoje e de ontem!!!
Nem Michele Obama, to me sentindo o proprio Obama mesmo!
Ontem minha bebê foi para seu primeiro dia de aula.
Acordar nao foi dificil, ja que ela ja mantem os horarios de acordar com as galinhas ha um ano. Entao acordamos, me troquei, arrumei ela. O uniforme é camiseta branca com o logo da escola, calca ou short saia vermelho. Pus uma meia de lacinhos, tenis dourado (fashionnn) e lacinhos vermelhos*. Fiquei 15 minutos decidindo entre short ou calca, optei pela calca e a menina chegou transpirando na escola kkkkkkkkkkk Recorremos ao short que eu tinha levado, junto com o casaco tambem #loka.
Fomos juntos eu, Be e papai. Ela anda num grude com esse pa-pae! E ele fez a maior questao de participar, o que considerei super fofo.
Chegando la, tinham os alunos maiores, que a adaptacao era igual, e os alunos antigos. Na classe da Be sao todos alunos novos, entao a escola fez assim: tres levas, sendo que ontem eram 3 alunos, hoje mais tres, e sexta mais dois. (a turma dela sao 8 alunos)
Quem esta no primeiro dia fica 2 horas.
Quem esta no segundo dia, 2,5horas.
E assim seguindo, de forma que aos poucos eles vao ficando mais tempo, ate completar o periodo todo da manha.
A escola é das 7:30 as 12:00, mas podemos fazer das 8:00 as 11:30 nesse primeiro ano. Com tempo ela passara a ficar a tarde tambem, 3x por semana ate as 16:30.
Beatriz foi a primeira a chegar, logo chegou o amiguinho Felipe.
Ela ficou encantada com os triciclos, enlouqueceu quando viu as tartarugas, e dava gritinhos quando via os peixes. Adorou os brinquedos da sala de aula, devorou o lanche ( a escola que serve, ontem foi leite com nescau, pao com manteiga e banana) e puxava o dedo da professora para la e para ca. Ela ainda nao desembestou a andar, entao fica levando as pessoas para onde ela quer rsrsrsrsrsr
Quando foi 10 da manha ela ainda estava achando tudo aquilo super divertido.
Nem tchum pra mim ou para o pai.
Hoje, foi ainda pior!
Quando cheguei, ela se jogou nos bracos da professora (eu nao cheguei a entregar, ela simplesmente foi) e assim ficou ate 10:30.
Uma hora foi emocionante! Ela veio andando na minha direcao... saiu da sala de aula, veio andando, passou reto por mim e seguiu ate o aquario. kkkkkkkkkkkk
Disse que vou procurar uma terapeuta para me curar! Mas percebo que ela esta indo bem, e afinal de contas, eu prefiro que ela se divirta e se enturme do que fique com aqueles nhenhenhen.
Quero que a Be possa ser feliz. Quero que ela saiba ficar bem sozinha, em grupo, que tenha amigos, que saiba se comunicar, que aceite as pessoas e seja aceita. E para tanto, deixa-la voar (antes mesmo dos primeiros passos) eu considero fundamental.
Ontem ela ficou mais apegadinha, mais manhosa a tarde. Quis colo para dormir a noite, e dormiu muito bem.
Um dia de cada vez e estou muito feliz.
Na comparacao com os outros alunos (a sala dela sao alunos de 1,7 a 1,1meses) ela esta muito bem.
Nao bebe no copo ainda, mas a unica que espeta com garfo e segura a propria comida. E a unica que ja vai ao pinico. E se comunica relativamente melhor que os outros.... como disse a professora dela, ela parece ser a terceira filha, porque esta bem adiantada.
Fico toda orgulhosa, me sentindo a mae do super-bebe.
Da mais nova e mais linda estudante!

* sobre os lacinhos.......... toda a semana eu passo no pet shop e pego uns lacinhos novos, e agora pego uns vermelhos para combinar com o uniforme. Hoje duas maes me perguntaram onde eu compro os lacos! kkkkkkkkkkkk

quinta-feira, 22 de janeiro de 2015

BLW

Eu nao sei se ja falei aqui sobre o BLW.
Quando a Be estava com seus 4 meses, li sobre a tecnica. BLW, se vcs procurarem pela hashtag, vcs vao encontrar muuuuita crianca selvagem, imunda, comendo de forma horrorosa. Quando eu li a respeito, aff, fiquei apavorada.
Primeiro pela questao da crianca poder engasgar, depois achei que seria selvagem demais. Se eu liberar comer com as maos, depois vai ser impossivel ensinar com os talheres. Achei o ó.
Ha alguns meses, a Be vem se alimentando com a tecnica que tanto desconjurei.
"a lingua é a chibata da vida", diria uma amiga. Tava certa.
Nas minhas tentativas de fazer a Be comer mais, acabei incentivando-a a se alimentar sozinha. Ela muitas vezes usa a colher e o garfo, mas a coordenacao dela nao ajuda, e muitas vezes ela recorre aos dedinhos. Pega os cubinhos e leva na boca.
Esta comendo, descobrindo novas texturas, sabores.
Acabei virando uma adepta, quem diria.
Nao me perguntem como fica a cozinha e o cadeirao depois rsrsrsrsrsrsrsrsrs

Entao hoje, almocamos: arroz, feijao, bife e farofa de milho.
Amassei o arroz e feijao e dei para a be de colherzinha mesmo.
O milho, demos apenas os graozinhos, refogados, e ela comeu de um em um.
E o bife, ela ficou chupando e mastigando um teco.

Ontem, que comemos frango com shimeji, ela ficou chupando o cogumelo tambem. A sujeira é grande, mas sinto que ela come melhor quando ela quem esta no controle.

segunda-feira, 19 de janeiro de 2015

Barraco

Ah meninas, tudo bem?
Ando sumida mas vcs sabem ne?
Correria de estar sem a baba, e ao mesmo tempo estou adorando tudo isso.
Na semana passada fomos na escola, comprei os uniformes. Coisa mais fofa desse mundo ve-la de uniforme. Tinha o uniforme tamanho 1, mas optei pelo numero 2. Ela ficara mais confortavel e dura mais. Minha compra foi bem modica:
- 4 camisetas manga curta
- 1 camiseta manga longa
- 3 short-saia
- 1 calça de moleton
- 1 jaqueta de tactel

Eles tinham calcas aflaneladas e moleton aflanelado, mas achei melhor esperar o frio chegar e checar a numeracao. Fiquei calejada dela perder roupa com tanta facilidade. pelo que estou vendo, agora ela vai esticar apenas, mas a brincadeira ja custou bem caro, entao vamos devagar.
Na semana passada passeamos algumas vezes no shopping. nao é o meu programa favorito, mas com o calor que anda fazendo, é a melhor opcao para passear de carrinho.
Tambem fomos ao shopping e ao hortifruti, e tudo esta sendo uma novidade e super gostoso. Antes eu deixava ela em casa com a baba e fazia essas coisas. Agora levo-a junto. É muito bom poder passar o dia com ela. Bom para as duas. Mas é muito cansativo! O que antes eu fazia rapido, agora eu perco 10 minutos para por na cadeirinha, tirar da cadeirinha. carrega o bebe. Procura carrinho com bb conforto. Ou poe no carrinho. Vaga que caiba o carro e eu consiga abrir a porta (antes saia que nem carangueijo e tava nem ai, agora nao da mais).
Isso quando ela nao resolve chorar no carro ou dormir, o que muitas vezes fico cantando galinha pintadinha no carro ou fazendo cocegas no pe dela enquanto dirijo.
Mas como disse, é um cansaco feliz. Esta sim exigindo mais de mim, mas estou satisfeita com milha escolha.
Ela esta numa fase em que os dentes resolveram desenroscar. Os dentes de cima nasceram no dia 19/dez, e em menos de um mes ja nasceram mais dois. Entao ela fica mais chatinha, chorosa, dengosa. esta com dor, logo nao consegue comer bem, e entrou numa fase bastante seletiva.
Nao quer arroz, mas quer frango.
Fora que muitas vezes nao quer comer a papa dela, mas quando me ve comendo, quer do meu. Entao ela esta almocando junto comigo. Comemos no almoco a mesma comidinha. Ela me ve comendo e fica toda animada. E com isso eu ganhei tempo, agora tenho uns 20 minutos a mais no dia, porque antes eu almocava enquanto ela dormia, e agora eu tenho tempo livre.
Mas nem tudo é um mar de flores. Ela chegou a comer com 8-9 meses 2 potinhos de 110gr + 110gr de sobremesa. 330gr.
Hoje, se come 60gr +sobremesa, fazemos festa. Voltamos a complementar o almoco com uma mamadeira de leite.
Hoje almocou uma colher sopa de feijao, meia de arroz, dois cubinhos de batata, uma colher de peixe assado. E duas bananas de sobremesa. Ela nunca rejeita sobremesa. Tomou banho e mandou ver uma mamadeira de 210ml de leite. Ta la, no sono dos justos.
Aos poucos esta comendo melhor, mas hoje aprendi que tudo é muito instavel. O que esta bom hoje pode nao funcionar amanha. Curtir cada dia, dormir cada oportunidade, porque nunca sabemos como sera a proxima noite.
O mesmo com os cocos, que esses dias deram uma bela desregulada.
Me disseram que os dentes nascem ate os tres anos, entao é "abracar o caos" e ser feliz com o que temos.
Nao comentei com voces, mas estou brigada com minha sogra.
Pois é.
 ..
\o/
No fim do ano, EU (#anta) tive a pessima ideia de convidar para ir com a gente para a praia. minha intencao era que ela pudesse descansar e aproveitar os dias para passar um pouco com a neta. Ela trabalha em comercio, entao tem apenas os domingos para ve-la. passar uma semana seria muito bom para as duas.
Nao pensei que ela me ajudaria a educar a Beatriz, ou daria suas dicas maravilhosas em questoes que eu nao estava indo bem.
Na verdade, pensei que ela poderia me ajudar com as coisas da casa, ja que da Beatriz cuido eu. Estava ha poucos dias sem a baba e me sentia livre, leve e solta.
Ledo engano.
Logo no primeiro dia, ela chegou com um pote de canja que ela tinha feito, para a Be comer. "A Beatriz nao esta comendo porque voce nao poe tempero e bate tudo, ela quer pedacinhos."
"tira a mamada das 3 horas e substitua por frutas"
" no cafe d manha, de mucilon"
"nao precisa manter a rotina da menina assim tao rigida. Se ela nao quer comer as 12:00, de leite e ofereca as 15:00"
" ela tem que dormir mais tarde para acordar mais tarde"
"estamos no horario de verao, entao nao precisamos ficar apenas das 8-10 na praia. Ficar ate as 11 nao tem problema nenhum, e uma hora a mais nao fara diferenca, Entao podemos descer as 10 e ficar ate 12 com a bebe na praia"
"fica colocando protetor solar a cada 10 minutos, a menina nao vai tomar vitamina D"

Foi cada uma.... e obvio que isso foi me estressando muito. Junte a isso o fato de que ela era incapaz de por a mesa, tirara mesa, lavar a louca..... Tivemos uma discussao depois que ela deu a fruta que ela queria as 3 da tarde e me disse "se é tao absurdo assim mudar a mamada das 15:00, mande um email ara seu pediatra", e ela falou coisas terriveis para mim. Me ofendeu. Nao foi legal. Eu gritei com ela. Barraco.
Trincamos.
Nesse momento, esta ela no canto dela e eu no meu.
Terei, inevitavelmente, que abaixar a guarda e me aproximar. É mae do marido.
Mas deixei claro que ela nunca foi promovida a consultora, mae da beatriz, baba, pediatra ou qualquer outra coisa alem de avo. E esse é o unico cargo que eu quero que ela exerça. Seja avo. Da educacao, rotina, cuidados e alimentacao, cuido eu.
E assim comecamos o ano de 2015. Voltamos depois de 4 dias para casa.
Ja coloquei os pingos no is com o marido (que ficou espatifado, ja que nao tem como tomar partido). expus que eu apenas convidei-a para passar uns dias conosco, e que nem ela, nem ninguem nunca, sera promovida a mae da beatriz. Se eu nao faco direito, me de conselhos, vou ponderar e reavaliar minhas atitudes. Sei que nao sou perfeita, estou tentando acertar, mas nao abdiquei do meu cargo de mae e nao pretendo faze-lo.
...
Foi isso.
Entao, a imagem que eu tinha construido da sogrinha querida esta trincada. Me ajudou tanto, me deu tantos bons conselhos. Mas disse que eu tinha que aprender a ser gente, e era muito arrogante. Doeu demais ouvir isso dela. Saber que ela achava isso de mim.
Vai passar. Por hora, cada uma no seu quadrado.
E eu no meu quadrado, mas com a Be ao meu lado, clarooooooo
;)

quinta-feira, 8 de janeiro de 2015

Super motoca e seu acidente

Meninas,

Tenho tanto assunto atrasado..... afeeeee... tenham paciencia comigo ok?
Ja coloquei nossa princesa para dormir, comi um doritos com o marido, fiz duas sopinhas para a Be, e respondi comentarios que estavam sem resposta.
Meu tempo agora é 100% da Bê. Sei que me entendem!!!

Ha um tempo atras, estava na alo bebe e vi uma motoca lindona.
Odeio meu carrinho desde que o marido comprou. Acho ele muito grande, ele ocupa muito espaco, e estava vendo algumas opcoes de carrinho guarda chuva. Vi um bem simples, da Burigotto, que saia uns 400 reais. A vendedora me alertou que as rodinhas eram bem frageis (nao sao indicadas para as ruas e calcadas de sp) e que o carrinho aguentava ate 15kg.
Com 11 meses a Be estava pensando 11kgs, logo nao gasto nem meio centavo por um carrinho que ela vai usar mais 5,6 meses.
Fui na chicco e vi outro, de 600. Esse era bem bacana, reclinava, fechava magriiiiinho.... e ate 15kgs. "todos os carrinhso vao ate 15 kgs, porque depois de 15kgs, o bebe nao fica mais no carrinho" foi a explicacao da vendedora.
Fiquei frustrada e desencanei de trocar de carrinho.
Ficaria para sempre com a minha joça.
Eis que numa ida a Alobebe, eu encontrei um triciclo de 9m a 3 anos. UAL
Me encantei. Descanso para os pes, reclina, assento estofado, e ele vai se adaptando ate virar um triciclo. Se chama Triciclo smart confort, da Bandeirantes.
Os outros modelos nao reclinavam, nem tinham esse descanso para os pes.
Nao era barato (550 reais), mas ao menos ela poderia usar por bastante tempo, o que iria amortizar o investimento.
Levei-a para a alobebe para testar a motoca, e ver se valia a pena comprar. Sentei, ela amou. Mexia o guidao, apertava os botoes, dava gritinhos de felicidade. Otimo, vou levar.
A loja so tinha o mostruario, que estava com defeito....
Sai da loja com a Be aos gritos, chorando e apontando para a tal motoca pink.
No dia seguinte, fui em outra alobebe e comprei a tal motoca.
No dia 25/12, dia de natal, com as ruas vazias, saimos para estrear a motoca: eu, cao e be. A cachorrinha fez coco, eu larguei a moto e fui pegar o cocô. A cachorrinha continuou andando, e com o tranco a moto caiu.
Como tem tres rodinhas, ela desestabilizou, tombou e a be bateu a cabeca no poste.
Foi absurdo.
Entrei em modulo standby. nao sei dizer o que aconteceu.... via tudo em camera lenta a be gritava. Ela nao se machucou, mas chorava muito. Um casal atravessou a rua e me ajudou, levando a moto e a cachorrinha ate em casa. Depois que confirmei que a Be estava bem, chorei e tremi sem parar por uns 20 minutos. O porteiro do predio disse que eu estava branca que nem papel, nem labios eu tinha kkkkkkkkk Foi um belo susto.

Aprendi que a motoca é otima, mas tem sua limitacoes. Hoje em dia uso bastante, mas dirijo com o dobro de cuidado.
E passei a gostar mais do meu carrinho. Ele é grande, mas é espacoso, confortavel, estavel e tem bastante lugar para guardar coisas.
Meu carrinho é o chicco cortina keyfit30.

quarta-feira, 7 de janeiro de 2015

Nova fase

Entao se passaram 11 meses desde que a baba entrou.
Ela chegou no momento de loucura... eu precisava de ajuda e ela me ajudou. Eu estava cansada e ela me fez descansar. Eu nao sabia como fazer e ela me ensinou.
Foram 11 meses.
...
Nesses 11 meses, teve muita discussao e indisposicao tambem.
Ela me atropelou algumas vezes.... roubou a minha primeira papinha. Doeu demais.
Me disse coisas horriveis.
Ela tinha um genio do cao, verdade seja dita.
Eu nunca sabia como ela iria acordar, reagir, o que esperar.
Mas ela sempre tratou minha filha com tanto carinho, com tanto amor. E Beatriz cresceu feliz, bem cuidada, saudavel.
Teve febre uma unica vez, quando viajamos para Dubai.
Uma unica assadura em um ano.
Um bebe feliz.
E eu, que nao queria ajuda, que briguei tanto com a baba, hoje escrevo em prantos que ela foi embora. Mandei ela embora ontem, com meu coracao partido. Uma relacao tao estreita, mas que chegou ao fim. Ela foi embora e deixa saudades em todos nos.
Se inicia uma nova fase agora. A fase da Thais mae, que vai dar conta, que tem que encontrar de volta a seguranca, a certeza de que sera uma mae maravilhosa.
Agora darei continuidade para o trabalho da baba, e vou cuidar da minha filha.
Por mais doidera que possa parecer, esta doendo em mim.
Aprendi a amar, a ser grata por tudo o que ela fez.
Uma pessoa que conviveu na minha casa por quase um ano.
Ainda que eu nao queira, marcou minha vida. Talvez para sempre.

Marido ja avisou ela que assim que ela liberar de folguista para o bebe que ela esta, ela volta pra gente nos finais de semana. Sem duvida, é uma pessoa que confiamos.

Fim de uma historia, comeco de outra.
Aqui nasce de novo a mamae Thais.